celulite

 Fiz uma grande besteira! copiei este texto já faz um tempo de  outro blog, mas esqueci de copiar o endereço e agora não consigo me lembrar de quem é.  Bem se a autora passar por aqui me avise para dar os créditos. Em resumo adorei o que li e espero que voces também.

                                                            Hoje estou aqui, correndo com um vestido pra minha afilhada a Lorena, não sou costureira de roupas, mas, dou minhas cacetadas. Mas, vim aqui correndo pra dizer uma coisa, muito séria!

Tô com a televisão ligada só ouvindo, aí tem um programa meio inútil sobre mulheres, e  a chamada pro outro bloco foi assim: “No próximo bloco, falaremos sobre as terríveis celulites!”
Agora, eu queria perguntar: Por que é tão terrível??? Quando foi que deixamos de ser mulheres de verdade, nos preocuparmos com o “ser” verdadeiro? Que raio de neurose é essa da gente de nos desesperarmos com a estética??? Pelamordedeus!!!! Somos mulheres, trabalhamos, cuidamos dos filhos, maridos, casa etc, e pouco temos tempo pra nós mesmas, e ainda temos que nos preocupar com CELULITE. 
Será que isso é realmente sério? Mais sério que uma doença que nos leva a um tratamento complexo, mais sério que um filho internado, mais sério do que ter caráter e personalidade?
Por que nos preocupamos tanto com a estética ditada pela televisão?
Eu não tenho celulite, não sei se os maus hábitos ajudaram..rsrrsrsrs. Tô brincando, não tenho mesmo, mas, fico muito puta da vida quando vejo pessoas tão neuróticas com algo tão fútil!
Nós temos exemplos de amigas blogueiras passando por problemas realmente sérios e ainda vemos por aí gente preocupada com furinhos na bunda… sejamos sinceras, se nossos namorados/maridos/amantes e afins, reparam nessas característica FEMININA, eles não nos merecem de verdade.
Precisamos parar de pensar que a estética das novelas é verdadeira, verdadeiro mesmo são os profissionais do photoshop..r.srsrsrs.
Beijos meninas lindas e perfeitas com ou sem celulite.
Porque mulherão somos nós que cuidamos da família e estamos sempre felizes com o que Deus nos deu.
Paula

 Desse jeito ela logo, logo vai ficar igual a mim.

A Kate Moss é super magra, imaginem quando ela ganhar uns quilinhos a mais e ficar um ser humano normal, quero dizer comum.

Anúncios

dicas de beleza

 Com  verão a todo vapor,  aqui vão algumas dicas para manter sua pele hidratada, linda e conservada já   que o tempo passa rápido, 15, 25, 35, 45, 55 anos…


1-
Não tomar banho muito quente e demorado. A temperatura da água e o tempo de permanência no chuveiro podem fazer com que a pele perca sua hidratação natural. e as contas de luz e água vão agradecer.

2-
Os sabonetes comuns não são uma boa opção para o banho pois  contribuírem para a retirada da hidratação natural da pele, use sabonetes neutros. 

3-
Nossa pele  precisa de hidratação extra, por isso use filtros solares que contenham hidratante e após tomar sol use, se possivel, um bom hiratante e não se esqueça de beber muita, muita água mesmo – não é refrigerante.

4-
Uma boa dica para potencializar o efeito do hidratante é cobrir com plástico, tipo magipack, o local onde voce passou o creme.  Fazendo isso, a região vai aquecer e com o calor o produto agirá de forma mais efetiva e  rápida.

5-
Outra forma de evitar que a pele perca sua hidratação natural é evitar o uso de produtos de uso externo que contenham álcool em sua composição – o álcool retira a oleosidade natural da pele. Produtos para uso interno, tipo  caipirinhas, cervejinhas geladas e outra bebidas alcoolicas também fazem um estrago danado na pele, no figado, nos rins……

6- Cuidado com o sol 
O sol é taxado como um vilão para a saúde e de fato é perigoso, quando tem ação prolongada sobre a pele, que  pode levar ao temido câncer de pele. O que não se pode confundir é um Banho de sol de qualidade com uma insolação. Seu bronzeado vai agradecer e sua pele então vai adorar.


Como preservar hábitos de beleza sem prejudicar a saúde


Como preservar hábitos de beleza sem prejudicar a
 Unhas toda semana – com a mania dos esmaltes em alta, muita gente não abre mão de deixar as unhas sempre em dia. Certo mesmo seria não pintá-las toda semana, ou pelo menos dar intervalos maiores e hidratá-las. Se você não consegue ficar com as unhas sem nada, pelo menos tire o esmalte dois dias antes de ir ao salão. O uso contínuo não só dos esmaltes, mas também de acetonas e removedores, deixa as unhas fracas, ou seja, mais quebradiças e finas, que acabam dobrando facilmente. Se isso acontecer recorra a hidratação com cremes à base de uréia.
  Chapinha todo dia – quem não adotou o alisamento definitivo e não vive sem a chapinha deve tomar alguns cuidados. Cabeleireiros afirmam que ela não traz danos aos fios, desde que sempre você use antes produtos termoativados ou protetores térmicos. “Eles são ideais para quem costuma fazer chapinha ou escova em casa, porque não dá para fazer da maneira correta, na velocidade e distância que o profissional consegue”, explica o cabeleireiro Marcos Coraza. A temperatura também influencia – o correto é 190 °C. Para que as madeixas não fiquem ressecadas ou quebradiças, a dica é usar hidratantes à base de óleo, para repor a água perdida.
Maquiagem sempre – ela é liberada sim, mas desde que você tenha o cuidado de todos os dias manter o seu rosto hidratado e tirar os resíduos dos produtos com um bom demaquilante. Hoje em dia, a boa pedida é usar a maquiagem mineral. “Ela é composta de minerais ultrafinos, pulverizados e esterilizados, tornando-a uma maquiagem com mais aderência e fixação. Também não tem pigmento artificial. O efeito é uma pele natural e acetinada, além de todos os benefícios dos minerais à pele”, afirma Raissa Tange, gerente de produto da marca Revlon. 

Tingir os cabelos toda hora – a tintura não é tão agressiva quanto o descolorante. “Podemos dizer que atualmente os produtos têm mais ‘respeito’ pelo fio, pois contém hidrantes”, afirma Francisco Oliveira, hairstylist do Espaço Beleza Adf. Mesmo assim é importante manter intervalos de pelo menos 40 dias, para os cabelos naturais, e 20 dias, quando se trata de fios brancos, entre as aplicações. No caso da descoloração, Oliveira explica que se no processo as cutículas não forem fechadas, os fios estarão mais suscetíveis às agressões, portanto, os cabelos ficarão opacos, sem vida e quebradiços. 
Um bom recurso é usar o tonalizante. “Ele tem justamente a função de fechar as cutículas. Aplicamos o produto no final do procedimento não apenas para suavizar a cor, mas também para proteger os fios e dar brilho”, diz Oliveira.
Para quem abusou na coloração, o hairstylist indica fazer hidratações no salão, também chamadas de reconstrução capilar – um método que penetra o produto no fio. Se o mesmo processo for feito com alguma chapinha, ele recebe o nome de cauterização. O instrumento quente vai ter a função de selar o ‘hidratante’ nos fios formando um filme protetor.
crédito:

hidratação em casa

HIDRATAÇÃO DE PROFISSIONAL… em casa!

Quem nunca se sentiu uma estrela de comercial de xampu depois de fazer uma hidratação no salão de beleza? O efeito é tão bacana que dá vontade de repetir em casa. É possível? Claro que sim. 
Preparação
Lave bem os cabelos para a máscara penetrar direito nos fios, eles precisam estar limpíssimos. Lave-os com o xampu de costume fazendo uma massagem suave, a operação deve se repetir por no mínimo duas vezes.
Enxágue & Enxágue…
A fim de garantir que não fiquem resíduos do xampu, jogue os cabelos para baixo e deixa a água escorrer.
Confira a temperatura
Para remover melhor a sujeira, é recomendável que a águia fique mais pra quente do que pra fria, para não danificar os fios.
Seque com uma toalha
Aperte os cabelos com uma toalha até retirar 80% da água, sem o excesso de água a máscara não se diluiu o que faz com que o efeito dela seja potencializado.
Desembarace os fios
Deixe-os soltinhos para que a máscara penetre com facilidade e se distribua de maneira uniforme em todas as mechas.
…aplicar…
O ideal é repartir o cabelo ao meio, calcular três dedos a partir da raiz e aplicar a máscara começando por essa linha e deslizando até as pontas, a raiz deve ser preservada para não ficar oleosa com o creme. Faça uma leve massagem para que os fios absorvam os nutrientes.
Aqueça bem
Coloque a touca térmica por 15 minutos. O calor potencializa a ação do hidratante pois dilata a cutícula dos fios, permitindo melhor absorção. Para quem não tem touca térmica é só envolver as madeixas em filme plástico ou papel alumínio e esperar meia hora. Só não ultrapasse esse limite, senão os fios ficarão pesados.
…brilhar!
Enxágue de novo
Para retirar o produto a água deve estar mais fria do que pra morna. Assim, não levará embora todo o efeito conquistado graças ao hidratante.
Seque os fios
Remova o excesso de água com uma toalha seca , principalmente na raiz para arejar o couro cabeludo, se for usar secador ou chapinha use um produto termoativo para proteger os fios.
Conserve o brilho conquistado!
Para manter os cabelos sempre saudáveis, bonitos e com movimento, siga todos os passos da hidratação há cada 15 dias!

12 erros que ACABAM com os cabelos!!

1.Passar condicionador na raiz: o condicionador colabora com o aumento da oleosidade e, como tampa os poros capilares, aumenta a incidência de caspa. “Existem cabelos que possuem raiz oleosa, e o condicionador aumenta ainda a produção de sebo. Já a caspa pode aparecer em casos avançados, já que o condicionador irá fazer o couro cabeludo ficar com excesso de umidade, tampando os poros capilares”, explica o cabeleireiro Gennaro Preite.

2.Deixar o condicionador no cabelo: os condicionadores abrem as escamas dos fios. “Assim conseguem penetrar e tratá-los”, afirma o cabeleireiro Paulo César Schettini. Mas deixar o produto depois do banho é péssimo, porque as escamas não se fecham, o cabelo fica elástico e acaba se quebrando à toa.

3.Esquecer as hidratações: a hidratação tem a capacidade de dar leveza e nutrir os cabelos, recuperando a maciez, o brilho e o aspecto saudável deles. Em função do grande uso dos produtos químicos (tinturas, alisamentos, relaxamento, entre outros), os fios tendem a ficar danificados. A função da hidratação é de reverter tudo isso. Mesmo os fios oleosos merecem hidratações, feitas com produtos específicos.

4.Lavar os cabelos com água quente: evite a água muito quente, pois ela pode causar irritações no couro cabeludo, estimulando a produção de sebo e favorecendo a oleosidade, o que também inibe o crescimento dos fios. “Varie sempre o xampu e o condicionador e use um xampu de limpeza profunda (uma vez por semana ou a cada 15 dias) para retirar excessos de químicas, sujeira e oleosidade para que o couro respire melhor”, explica o cabeleireiro Marcus Corazza.

5.Usar máscara hidratante na praia:não adianta inventar. Para tomar sol, o ideal é passar um creme sem enxágue com proteção solar. E nada mais. “Muitas mulheres acham que, usando uma máscara mais poderosa, estão protegendo o cabelo”, diz Paulo César.

Na verdade, elas estão queimando os fios. Esses produtos, além de não formarem uma capa contra os raios ultravioletas, têm um tempo de permanência. Excedê-lo enfraquece os cabelos.

6.Prender os fios molhados: fazer isso uma vez ou outra não tem problema nenhum. Mas achar que vai domar o volume dos fios dando um bom nó em volta deles é assinar um atestado de raiva permanente.

“Manter o couro cabeludo molhado por muito tempo faz juntar fungos e criar caspa, além de enfraquecer a raiz e provocar a queda”, afirma Paulo César. Usar um leave-in e evitar o vento enquanto a cabeça não seca são medidas suficientes para evitar o cabelo armado demais.

7.Passar chapinha no cabelo molhado: este é um daqueles pecados sem misericórdia nenhuma. A gravidade é tanta que dá para sentir os efeitos na mesma hora. Os fios são profundamente agredidos. Além de queimados, eles se quebram. “O único jeito de consertar é cortando”, alerta Paulo Schettini. Antes de usar a prancha, seque bem os cabelos. Nem úmidos eles podem estar.

8.Usar o secador do jeito errado: procure mantê-lo a 30 centímetros de distância da cabeça e sempre com a temperatura intermediária ou fria, nunca na máxima, para não queimar e danificar os fios. Também evite direcionar o jato quente para a cabeça, isso estimula a oleosidade na raiz e diminui a duração da sua escova.

9.Ficar mais de três meses sem cortar: para muita gente, isso é papo de cabeleireiro. Mas não é, fique certa. A não ser que seu cabelo demore muito para crescer, este é o tempo médio de duração de um corte. Passada essa fase, as pontas começam a abrir e os fios quebram-se com facilidade. Os arrepiados aumentam o volume e os fios fracos começam a cair.

10.Desembaraçar com escovas maleáveis demais: as cerdas moles são de manuseio mais difícil, além de quebrarem os fios. Por isso, os especialistas recomendam um pente com dentes bem largos e firmes ou uma escova do tipo raquete, mais resistente.
Saiba Mais
• Use o cardápio a favor da beleza
• Escova igual à do salão
• Conquiste cabelos de estrela
11.Fazer mais de duas químicas:você precisa escolher os tratamentos que quer aplicar. Relaxamento, coloração, progressiva, luzes… tudo isso junto deixa os fios porosos e fracos demais, arrebentando todas as pontas. “Escolha dois tratamentos, no máximo, e faça hidratações mensais, no mínimo”, indica Paulo.

12.Dispensar o leave-in: quem pretende aderir ao look natural, atenção para o alerta da cabeleireira Daniela Rocha: sem xampu, condicionador e cremes leave-in (cremes sem enxágue) não existem cachos bonitos. Isso porque cabelos crespos precisam de mais cuidados, pois as curvas dos fios dificultam que a oleosidade natural presente na raiz chegue até as pontas – assim, elas acabam ficando ressecadas, daí a importância da hidratação. E nada de improvisar, usando o condicionador como se fosse um leave-in. “O enxague é necessário no caso do condicionador. Só assim as cutículas (camada externa) dos fios são fechadas. Do contrário, o cabelo enfraquece, quebrando mais facilmente e aumentando o efeito arrepiado”, diz a profissional.

Fonte: www.minhavida.com.br (site sobre saúde, Alimentação e Bem-estar)