Propagandas de cerveja


Também sou totalmente contra essas propagandas ridículas de cerveja, onde tudo é festa dentro de um boteco, onde pessoas arriscam a vida para “salvar” uma caixa da bebida boiando entre tubarões, onde tudo desce redondo, onde tudo acaba em “ÃO”. E depois ainda tem o cinismo de colocar o aviso “Beba com Moderação” (deve ser para rimar com o “ão”).
Vão aos barzinhos e depois saem com seus carros matando pessoas. Já ouvi gente dizer que “dirige melhor” depois de umas cervejas… Há pouco foi o caso do rapaz atropelado na calçada na Vila Madalena por um casal que acabava de sair de um barzinho. Políticos são pegos dirigindo alcoolizados. Aí o cara só faz o teste do bafômetro se quiser… Assassinatos cometidos por esses monstros são tratados como homicídio culposo, “quando não há intenção de matar”. Paga-se uma fiança e pronto, já estão liberados para continuar tomando suas cervejinhas e matando mais gente.
Enquanto isso, lá estão as propagandas mostrando a “festa”, onde quem bebe é o esperto e quem não bebe é o trouxa…


Infelizmente, esse é o Brasil.

A próxima vítima pode ser qualquer um de nós.

Antonio Carlos Saraiva Coelho
(meu primo querido)



Anúncios