Necessaire, com bolsinho secreto



Primeiro eu fiz este molde  você pode ajustá-lo para atender às suas necessidades ..
Corte dois pedaços de manta acrillica e costure  as ourelas para que fiquem paralelas uma as outras 
esta será afrente eo verso da bolsa ..
Costurar o zíper entre o forro e frente / trás peças,
 você pode   usar um  de máquina ou pregar a mão 
Olha como fica fechado  costurar a mão um pouco das extremidades do conjunto  para 
que não haja diferença ….. veja a foto abaixo   
Costure todas as peças juntas em torno do exterior  agora você pode ver os bolsos fundo …. aparar qualquer 
excesso de tecido ….
Faça um vies e costure a volta

 A parte mais complicada de fazer …. Centralize  o zíper na parte superior da bolsa e costure a mão

Vai ser um pouco complicados no começo, mas você vai encontrar sua própria maneira fácil de fazê-lo 



O fundo falso da necessaire

Happy sewing…...♥

Gruta do Lago Azul

Gruta do Lago Azul – Bonito – Brasil
bonito 1.jpg 1058132790 10 lugares Gumps
bonito1 781490 10 lugares Gumps

52877891.GrutaAzul4 10 lugares Gumps

A gruta do Lago Azul é um dos lugares mais bonitos do Brasil.
Tanto que fica num lugar chamado Bonito, em Mato Grosso do Sul.
Aliás, o Brasil tem tantos lugares fantásticos que é impossível de
escolher um só. 
Mas dá só uma olhada que beleza de lugar que é esta gruta, onde a luz
tinge de um azul que parece efeito especial mal feito de tão linda. De babar!

Deusa da Justiça

Como é prazeroso terminar e entregar um trabalho. O cliente gostou muito e eu também. A foto é que ficou muito a desejar.

Agora tenho que terminar uma outra tela, de uma amiga, senão vai ficar brava comigo e com razão.  Quando estiver pronta coloco aqui para voces verem

VOCÊ NASCEU ANTES DE 1985??? ENTÃO VC É UM SOBREVIVENTE.

Recebi este e-mail de uma amiga e gostei tanto que resolvi “blogar”.  Pena não saber quem é o autor.

Responda  uma coisa: 
Você  que teve sua infância  durante os anos  50, 60, 70, 80…  
Como  pôde sobreviver???
  – Os carros não tinham cintos de segurança, apoios de cabeça, nem air-bag!! 
Afinal de contas…
  – Íamos soltos no banco de trás fazendo   aquela farra!
       E isso não era perigoso!
 

 – As camas de grades e os brinquedos eram multicores e no mínimo pintados com umas tintas “duvidosas“ contendo chumbo ou outro veneno qualquer.
  – Não havia travas de segurança nas portas dos carros, chaves nos armários de medicamentos,detergentes ou químicos domésticos.
  – A gente andava de bicicleta para lá e pra cá, sem capacetejoelheiras, caneleiras e cotuveleiras…
  – Bebíamos água da torneira, de uma mangueira, ou de uma fonte e não águas minerais em garrafas ditas…¨esterilizadas¨…
 7.-  Construíamos aqueles famosos carrinhos de rolimã e aqueles que tinham a sorte de morar perto de uma ladeira asfaltada, podiam tentar bater records de velocidade e até verificar no meio do caminho que tinham „economizado“ a sola dos sapatos, que eram usados como freios…E estavam descalços… 
Alguns  acidentes depois…  
Todos  esses problemas estavam  resolvidos!
 8  – Íamos brincar na  rua, com  uma única condição:      voltar para casa  ao anoitecer! 
Não  havia celulares… E  nossos pais não sabiam  onde estávamos!
Incrível!!

9  – Tínhamos aulas só  de manhã,  e íamos almoçar em casa. 
 10  – Gessos, dentes partidos,  joelhos ralados…
        Alguém se  queixava  disso? 
       Todos  tinham razão, menos  nós …
 11  – Comíamos doces à vontade,  
Pão  com manteiga, bebidas com o  
(perigoso)  açúcar. Não se falava de obesidade – 
 brincávamos sempre na rua e éramos super ativos …
 12  – Dividíamos com nossos  amigos uma Tubaína  comprada naquela vendinha  da esquina, gole a  gole e nunca ninguém  morreu por isso ….
 13  – Nada de Playstations,  Nintendo 64, X boxes, jogos de Vídeo ,  Internet  por satélite,   videocassete, Dolby surround, celular com câmera  Computador ,   Chats  na Internet  

… Só amigos.



14 – E os nossos cachorros? Lembram? 
Nada  de ração. Comiam a  mesma comida que nós  (muitas vezes os restos),  e sem problema algum!
Banho  quente? Xampú?
Que  nada! No quintal, um  segurava o cão e  o outro com a mangueira  (fria) ia jogando água  e esfregando-o com (acreditem  se quiserem) sabão  (em barra) de lavar  roupa! 
Algum  cachorro morreu (ou  adoeceu) por causa disso?? 
  15  – A pé ou de  bicicleta, íamos à  casa dos nossos amigos,  mesmo que morassem a  kms de nossa casa,  entrávamos sem  bater e íamos brincar. 
 16  – É verdade! Lá  fora, nesse mundo cinzento  e sem segurança! Como  era possível? Jogávamos  futebol na rua, com  a trave sinalizada por  duas pedras, e mesmo  que não fossemos escalados  … ninguém ficava  frustrado e nem era  o “FIM DO MUNDO“!


  17 – Na escola tinha bons e maus alunos. Uns passavam e outros eram reprovados. Ninguém ia por isso a um psicólogo ou psicoterapeuta. Não havia a „moda“ dos „superdotados“, nem se falava em dislexia, problemas de concentração, hiperatividade. Quem não passava, simplesmente repetia de ano e tentava de novo no ano seguinte!

18  – Tínhamos: Liberdade, Fracassos,  Sucessos,  Deveres  
…e aprendíamos a lidar com cada um deles!  

A  única verdadeira questão  é:            como a gente conseguiu sobreviver???  
E acima de tudo, como conseguimos desenvolver a nossa 
personalidade?  
  Você também é dessa geração?

Se sim, então mande este e-mail aos seus amigos desse tempo,  e também aos seus filhos e sobrinhos,  para que eles saibam como era no… Nosso tempo ! 

  • Sem  dúvida vão responder  que era uma chatice,  mas …

   
Como éramos felizes!!!